quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Após algum tempo sem apresentar novas fotos aqui no Blog, retorno com as imagens do Nº 29 da Coleção de Miniaturas Marvel: Vampira. Embora para o novo leitor de quadrinhos, ou mesmo para aqueles que não são iniciados nesse incrível mundo dos heróis, "Vampira" seja um nome que evoque os personagens chupadores de sangue da literatura, essa linda moça aqui não tem nada a ver com eles. O nome vem, na verdade, de suas habilidades mutantes relacionadas à absorção das memórias e poderes de seus oponentes. Nessa matéria veremos os detalhes dessa peça e conheceremos um pouco da história desta perigosa mutante, cheia de raiva, mas ao mesmo com uma inclinação para o lado da justiça.

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

A peça é interessante e traz a personagem com um uniforme que usou em boa parte de suas histórias. O casaco de couro ficou bom e traz aquela sensação de leveza e de estar sendo jogado para o lado pelo vento. Esse efeito pode ser também observado em outras miniaturas com capas, como foi o caso da peça do Thor, Dr. Destino e Odin, esse último o Nº 17 da Série Especial. Embora o rosto seja um ponto "fraco" entre as peças da coleção (muitas peças trazem faces não muito bem modeladas), o rosto e cabelos da Vampira ficaram bem feitos em minha opinião. Além disso, a indumentária da personagem, com luvas, coturno e cinturão condizem com sua personalidade irascível e ficaram legais. A postura ligeiramente inclinada para esquerda também ficou interessante pois, quando observada em vista lateral, sugere uma atitude de confrontação (ver última foto da matéria).

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Vampira foi introduzida no universo mutante da Marvel em 1981 inicialmente como vilã na revista "Avengers Annual Nº 10", em uma história em que combate os Vingadores. Ela teria, no entanto um longo caminho a percorrer na direção de sua mudança de pária para Super-heroína ao lado dos X-Men. Proveniente de uma infância e adolescência difícil, Vampira descobria seus poderes de uma maneira muito traumática. Ao dar seu 1º beijo ela percebe que tinha a habilidade de sugar memórias e a força vital de outros através de seu toque. Daí o uso constante de luvas. O ato de tocar alguém, embora seja algo corriqueiro em nosso dia a dia, é parte crucial no desenvolvimento das relações humanas. Pois foi desse pequeno ato que Vampira foi privada a partir de sua adolescência, tendo que crescer com uma grande raiva e uma falta de aceitação pessoal.

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Em seus primeiros anos, Vampira fez parte da "Irmandade de Mutantes", um grupo semelhante aos X-Men de Charles Xavier, porém com objetivos diferentes em relação à raça humana. Pouco tempo depois Vampira procuraria o Prof. Xavier em busca de ajuda para lidar com o fato de ter absorvido os poderes e memórias da heroína Miss Marvel. Além do trauma advindo de seus poderes, Vampira estaria sofrendo também com a internalização das memórias de outra pessoa. Recebida com desconfiança pelos demais membros dos X-Men, foi o Prof. Xavier que em sua bondade a acolheu e iniciou o longo processo de reabilitação da jovem. Já na década de 90, Vampira se apaixonaria pelo colega de equipe dos X-Men, Gambit. No entanto o 1º beijo do casal deixaria Gambit em coma por três semanas. Isso mostra como a vida da personagem era difícil! Os dois só teriam sua 1ª noite de amor por ocasião de um confronto com uma vilã que os deixaria temporariamente sem seus poderes.

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Apenas nos anos 2000 descobriríamos um pouco mais do passado de Vampira, sendo revelado que seu nome verdadeiro é Anne Marie. Foi nos anos 2000 também que Vampira se tornaria líder de uma divisão dos X-Men. Ela recrutaria vários vilões mutantes para integrar esse grupo na esperança de que esse ato pudesse reabilita-los, tal qual acontecera consigo. Esse ato se mostraria equivocado e Vampira amargaria uma traição por parte de seus colegas de equipe. Tais eventos culminariam com uma armadilha que a deixaria à beira da morte. Apenas a intervenção de Gambit e de Charles Xavier consegue salvar Vampira.

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

O final da década traria, no entanto bons ventos para Anne Marie pois, durante uma jornada de busca pessoal na Austrália, Vampira finalmente consegue controlar seus bizarros poderes. Isso se dá, novamente (é claro) com a ajuda de seu amado Gambit e do sempre benevolente Professor X. Mais recentemente Vampira torna-se parte de uma das unidades dos Vingadores. Isso acontece como efeito direto da recente saga publicada no Brasil: Vingadores x X-Men. Isso mostra que Vampira definitivamente consolidou sua participação no Universo Marvel como uma personagem de passado difícil, porém com grande potencial. Não é a toa que ela foi escolhida para estrelar os filmes dos X-Men produzidos pela Fox nos anos 2000.

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Bom amigos... É isso aí. Deixo aqui meu abraço à todos vocês

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Até a próxima!!

22 comentários:

  1. Fala Marcelo. Cara, gosto muito da Vampira e gostei do uniforme com a qual ela foi representada aqui, entretanto nao gostei de duas coisas, o rosto, nada parecido com a personagem dos quadrinhos e a postura inclinada, pra mim é como se estivesse torta, kkkkkkkkk. Mas no restante achei show, como o casaco de couro e os cabelos aí vento. Já li vários comentários sobre a modelagem dos rostos dos personagens desnudos, que na maioria não são bem representados, o que concordo bastante. Mas no mais a miniatura é massa. Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Augusto... Blz!

      Confesso que nunca acompanhei muito a trajetória da Vampira. Aliás, parei de acompanhar o universo Mutante há um tempo em função dos roteiros muitas vezes complexos demais, fantasiosos demais e em função da insistência no tema "militância mutante". No entanto, ainda espero ver o dia em que os Mutantes voltem à historias com um apelo mais original e tradicional.

      Cara... Para vc ver como gosto é algo interessante, eu já gostei desta postura inclinada dela... rs rs. Para mim deu um ar um pouco "arrogante" à peça. Tal qual a personagem foi em algumas de suas histórias.

      A questão da face destas peças é algo complicado mesmo. Às vezes fico pensando se deve ser difícil modelar o metal em algo de pequena escala. O fato é que muitas trazem rostos não muito bem feitos. Ex. Capitão América, Anjo...

      Valeu Augusto!

      Gde. Abc.

      Marcelo.

      Excluir
  2. Boa noite, Marcelo!
    Parabéns pelas fotos e o texto! Estão maravilhosa como sempre.

    O visual da vampira que mais gosto é justamente o que ela tinha quando a conheci no desenho animado no início dos anos 1990 (arte de Jim Lee). Era um pouco parecido com representado na miniatura, exceto o cabelo que era o da moda na época, o sobretudo de couro, ela usava uma jaqueta de couro mais curta e as curvas do corpo, muito mais generosas.

    No desenho animado, apesar de todo o sofrimento causado por seus poderes, ela era sexy e engraçada, diferente da deprimida, as vezes revoltada, das últimas animações e dos filmes.

    Quanto ao rosto, o artista retratou com perfeição a figura de uma mulher atormentada, bem depressiva mesmo.

    No geral a miniatura é legal, mas seria muito mais se retratasse a mulher fisicamente forte e que pode voar (graças aos poderes da Mrs Marvel), sexy e engraçada.

    Grande Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Moisa... Obrigado.

      Lembro bem desse visual que você descreve. Aliás, aquele cabelo era bem emblemático. Bem do final dos anos 80 início dos 90 mesmo. rs rs

      Ele sempre foi retratada de forma sexy, mas que heroína também não o é, não é mesmo!? Aliás, já refleti sobre isso. Porque todos os heróis e heroínas possuem um físico praticamente perfeito? Fico pensando que seria legal se um dia a Marvel ou DC tivessem heroínas e heróis com um físico mais comum, revelando que super poderes por si são não são garantia de super corpo!

      Valeu Moisa!!

      Marcelo.

      Excluir
  3. Marcelo, às vezes, nos anos 90, eu almoçava assistindo ao desenhos dos X-MEN e, portanto, a imagem que tenho de Vampira é parecida como essa miniatura. não gostava, na época, dos X-MEN, mas assistia só por causa da Vampira e do Wolverine. Lembro do quanto ela sofria cada vez em que queria entregar-se a alguém, ao desejo da paixão em sua plenitude. Mas, ainda assim, ela era bela e guerreira.

    A miniatura ficou legal, porém, achei o rosto um tanto estranho. É aquele caso de que já saíram tantos personagens que, a essa altura, penso que a empresa responsável por esse projeto não foi muito feliz agora. ficou legal, mas poderia ter ficado ainda melhor se prestasse um pouco mais de atenção ao rosto dela.

    E os cabelos bem que poderiam ter um pouco mais de volume para retratar um pouco mais a animação em que ela os mantinham bem volumosos e não tão lisos, baixos e escorridos como já vi por aí depois.

    Parabéns pela aquisição! Se eu fosse você, por ter um gosto especial pela Vampira, teria ficado bastante empolgado com esse "presente". Não importa mais nada. O que importa é que chegou a Vampira e ela está linda! Menos do que no desenho. Mas, ainda assim, linda!

    Parabéns!

    Fabiano Caldeira.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo Fabiano!? Tudo bem!?

      Legal conversar com vc de novo!

      Pois é... Esse desenho que vc cita influenciou muita gente, não é mesmo!? Esse dilema da Vampira é um dos grande "motes" da heroína, aliás se não fosse por isso talvez ela fosse apenas mais uma personagem de corpo bonito. Essa sua dor a diferencia das outras em muito, dando-lhe carga dramática.

      Esse rosto da Vampira lembra muito o rosto da Elektra (peça de Nº 17). Dê uma olhada na postagem que fiz sobre ela aqui no Blog para comparar. Eu ainda não sei se é dificuldade de moldagem do metal, ou se eles realmente podiam ter tido maior cuidado mesmo. O cabelo até que gostei, sabia!? Achei ele volumoso olhando por trás! rs rs

      Valeu mesmo Fabiano. Agora fiquei sabendo do seu apreço pela personagem. Legal!!

      Grande abraço pra vc.

      Marcelo.

      Excluir
  4. E aí Marcelo, tudo bem?
    Já recebeu as miniaturas da DC deste mês (MM e MG)? Tá bem atrasado, não?
    Recebi o brinde fichário da Marvel e dei uma olhada no seu post com as dicas para "prender" os fascículos. Você mantêm os fascículos no fichário? Chegou a "prender" 20 edições? Qual a sua avaliação do mesmo?
    Sobre a assinatura da Marvel, no lugar da renovação (com 10% de desconto mas sem brinde algum) optei por fazer a assinatura mês a mês e receber os brindes de novo. Por enquanto estou satisfeito, pois já recebi o fichário (que eu não tinha), o brinde do Homem-Aranha azul e vermelho (que também não tinha), e o aumento nas edições não foi repassado para a assinatura. Depois de receber os quatro brindes devo cancelar a assinatura e passar a adquirir em bancas, selecionando os personagens. E devo adotar o mesmo para a coleção da DC.
    Abs., Carlos - São Paulo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carlos... Blz!?

      Então rapaz estão atrasadas mesmo essas miniaturas da DC. Ainda não recebi também.

      Não tenho guardado as revistas no fichário não. Não gostei muito da forma de fixação. Achei que os fascículos ficam sem muita segurança. Não cheguei a colocar os 20 lá dentro, por isso não posso te dizer como ficariam todos juntos e fixados. Pode ser que quando todos forem colocados lado a lado lá a fixação melhore. Porém, eu decidi nem usa-lo por enquanto!

      Não sabia que tinha a opção de renovação da assinatura com o recebimento dos brindes de novo. Quando eu refiz a assinatura para o 2º ano não davam essa opção, caso tivessem dado eu com certeza teria optado por receber os brindes de novo, pois acho legal ficar com duas bases.

      Blz Carlos! Vamos nos atualizando sobre o recebimento da MM e da MG. Combinado!?

      Abc. e bom domingo!

      Marcelo.

      Excluir
    2. Opa Carlos e Marcelo!
      Eu estou utilizando o fichário da Marvel e tô gostando, pena que cabem poucos fascículos.
      Com relação a dica de Carlos, com relação a renovação da assinatura, acho sacanagem os brindes não serem oferecidos a quem faz a renovação do ano inteiro, e serem ofertados apenas para aqueles que optam pela assinatura mensal. Na assinatura do primeiro ano recebi o fichário, a plataforma, o Abominável e o Homem-Aranha na gárgula, mas com o uniforme negro, acho que quando renovar vou tentar pela opção do Carlos e vê se recebo o do Homem-Aranha na Gárgula mas com o uniforme tradicional.

      Excluir
    3. E aí Augusto!

      Poxa... Legal vc relatar essa sua experiência com o fichário. Pode ser que eu tenha feito um juízo apressado sobre ele. Vou ver se quando tiver um tempo volto a tentar usa-lo. Agora, realmente é ruim caberem poucos, pois vc fica naquelas: Quais revistas colocar!?

      Concordo que é uma sacanagem mesmo não oferecerem o brinde para quem renova. Principalmente se vc pensar que a pessoa que está renovando é a mesma que acreditou na assinatura e portanto está dando mais um voto de confiança. Vamos ver como fica para o terceiro ano da coleção em 2014!

      Abcs!!

      Marcelo.

      Excluir
  5. Olá Marcelo, valeu pela informação do fichário. Quando tiver um tempo vou experimentar fixar os fascículos e te dou um feed-back. Sobre a assinatura, o que fiz foi assinar mês a mês à partir do ponto em que terminou minha assinatura anual (#29 => #30). Realmente eles não ofereceram brinde algum na renovação, mas fazendo mês a mês o pessoal do atendimento me explicou que seria uma nova assinatura independente da anterior e portanto ela daria direito aos quatro brindes. Fica a dica para as próximas renovações.
    Abc. e bom domingo p/ você também!
    Carlos - São Paulo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carlos...

      Puxa... Interessante mesmo sua dica. Muito legal saber disso. Até mesmo porque logo terminará meu 2º arco de assinatura e possivelmente virá o 3º.

      Valeu pelo toque!

      Grande abraço e, assim que chegar minha MM e MG postarei no face e te marco para vc saber! (ou vice-versa)

      Abcs!

      Marcelo.

      Excluir
    2. E aí Marcelo, tudo bem?

      Só para informar que chegaram a MM e a MG hoje de tarde. A da MG achei bem simplesinha, fiquei um pouco decepcionado. E a da MM veio com o braço rachado. Já são duas edições com problemas em oito (a outra foi a do Arqueiro Verde), ou seja 25% com defeito. Com a Marvel só tive problema com uma miniatura, a do Magneto em mais de um ano de assinatura. Acho que o problema é com a caixinha de plástico que é mais frágil no caso da DC. Nos dois casos a caixinha veio amassada na parte da frente e a miniatura ficou solta dentro da caixinha. E o peso da peça e o manuseio dos Correios acabam fazendo com que as partes mais frágeis acabem danificadas.
      Boa sorte com as suas.
      Abs., Carlos - São Paulo

      Excluir
    3. Poxa Carlos...

      Nossa, se tem uma coisa que deixa a gente triste é isso. Lembro de quando recebi o Blade com a espada torta e a aljava das costas quebrada. Vc vai com uma super expectativa abrir a caixa e se depara com isso.

      Pode ser que os motivos apontados por vc sejam reais mesmo. Vejo que os Correios não possui aquele cuidado que deveriam ter. As minhas pelo que pude observar vieram ok. Espero que vc consiga resolver esses defeitos!!

      Gde. Abc.!

      Marcelo.

      Excluir
  6. Vocês que tem assinatura, fiz as duas, mas a da DC apenas de 12 meses (Marvel 24 meses). A distribuição está boa, as entregas tem sido realizadas em prazo razoável e sem problemas com as figuras? Não vou comprar todos da DC e fiz uma lista em que vou ter apenas 30 deles, pois ficou caro manter as duas coleções e mais as HQ's que coleciono. Parabéns pelo blog, Marcelo. Muito legal mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Esdras...

      Valeu pelo comentário... Fico feliz que tenha gostado do Blog. Apareça sempre! Eu assino a Coleção da Marvel e a da DC. Por enquanto minha experiência tem sido como a sua: Boa.

      Realmente a gente tem que dar uma priorizada, pois as opções hoje em dia são muitas!

      Valeu Esdras! Grande Abraço!

      Marcelo.

      Excluir
  7. Como proceder nesses casos em que elas vem com defeito? Vou reclamar de imediato com a Eaglemoss se as minhas vierem assim. Poderiam caprichar mais na embalagem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então Esdras... Quando eu tive problema com o defeito de uma peça (veio uma parte quebrada) eu entrei em contato com eles e eles trocaram mediante o envio da minha peça para eles.

      Muitos tem feito isso. Há uma variedade de defeitos como certas partes da peça um pouco tortas ou pequenos descascos da tinta que eu consigo resolver rapidamente mediante o uso de uma pinça por exemplo. Acho natural uma ou outra peça vir assim. Porém, quando o defeito é algo que impede nosso concerto ou ajuste acho que se deve solicitar a troca mesmo.

      Valeu!

      Marcelo.

      Excluir
  8. Só o rosto dessa mini ficou um pouco "à desejar", mas uma miniatura que não pode faltar na coleção, aliás adoro essas miniaturas com capas (no caso de casaco).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carlos...

      Tudo bem? Rapaz... Sabe que das peças que possuem o rosto desnudo essa até que eu gostei. Achei por exemplo o Capitão América muito ruim nesse sentido. Outra que o rosto deixou a desejar também, em minha opinião foi o Sr. Fantástico e a Fênix.

      Essa da Vampura até que está ok e minha opinião, embora sem dúvida nenhuma poderia ser melhor.

      Gde. Abc. amigo!!

      Marcelo.

      Excluir
  9. Como sempre, um texto fantástico!
    Um abraço, meu amigo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Osvaldo! Blz!?

      Legal saber que vc passou por aqui! Valeu pelo comentário e visita!

      Abção!!

      Marcelo.

      Excluir