domingo, 24 de novembro de 2013

O Sombra - O Fogo da Criação


Recentemente a Editora Mythos lançou pelo seu selo "Mythos Books" o excelente arco O Sombra - O Fogo da Criação. A história está presente em um único encadernado recheado de capas com a arte do inigualável Alex Ross. Criado na década de 30 por Walter Brown Gibson para um programa policial de rádio, O Sombra fez muito sucesso e trazia consigo boa parte do apelo "Noir" da época. O famoso bordão "Quem sabe o mal que espreita no coração dos homens?... O Sombra sabe!" era repetido todas as vezes que o programa ia ao ar. Vários dubladores fizeram a voz do personagem no rádio, inclusive  lendário Orson Welles. Nessa matéria veremos um pouco mais a respeito desse personagem e desse ótimo lançamento em terras Brasileiras.

Capa de Alex Ross para a Edição Nº 01 de "O Fogo da Criação".

O Sombra faz parte de um conjunto de personagens de uma fase que antecedeu a Era de Ouro dos Quadrinhos. Uma fase conhecida por muitos como a Era de Platina dos Quadrinhos e que era dominada por vilões e heróis bem definidos em suas propostas (Flash Gordon, Tarzan, Buck Rogers, John Carter). Levaria décadas até o conceito do anti-herói evoluir. O Sombra, no entanto poderia ser colocado no âmbito do herói que é ambíguo em sua forma de agir e em suas motivações. Seu ar sobrenatural serviria de inspiração para um de seus sucessores já na Era de Ouro: Batman.

Capa de Alex Ross para a Edição Nº 02 de "O Fogo da Criação".

Com um tradicional perfil aquilino ressaltado por um cachecol vermelho que recobre parte de seu rosto, O Sombra é um enigmático vigilante das ruas nos anos 30 com uma missão que lembra as motivações de outro conhecido personagem, o Motoqueiro Fantasma, ou seja, fazer criminosos pagarem por seus crimes saciando assim a justiça a partir do ato da vingança. Além do cachecol mencionado acima, faziam parte de sua indumentária uma roupa preta com uma pequena capa e duas pistolas calibre 45. Exímio atirador O Sombra teria também o poder da hipnose, fazendo com que seus inimigos não percebessem sua fuga.

Capa de Alex Ross para a Edição Nº 03 de "O Fogo da Criação".

O encadernado lançado pela Mythos traz um Sombra fiel às suas origens. Com roteiro de Garth Ennis (co-criador de Preacher) O Fogo da Criação é uma boa história, pois equilibra bem dois aspectos importantes que, quando desbalanceados acabam com a história, violência e boa narrativa. Alex Ross (Reino do Amanhã, Justiça, Marvels) é responsável pelas capas das edições que saíram lá fora. O encadernado da Mythos traz todas as capas de Ross (reproduzidas aqui nessa matéria) antes do início de cada capítulo. 

Capa de Alex Ross para a Edição Nº 04 de "O Fogo da Criação".

A arte da história é, na verdade de Aaron Campbell. Não que a arte de Campbel seja ruim, porém ao nos depararmos com as capas de Ross, qualquer desenhista fica ofuscado pelo seu talento. Essa é a impressão que fica, a de que a arte de Aaron não é boa, porém isso não é verdade. Prova disso é que durante a leitura é necessário que se acompanhe bem os desenhos, pois os diálogos sozinhos não funcionam e exigem algo que os complementem para um entendimento real da cena, e isso é fornecido pela arte de Campbell. A história traz a violência que é característica dos trabalhos de Ennis, porém traz de forma contundente também a atmosfera sobrenatural ao redor do Sombra, que divide sua identidade civil com Lamont Cranston, um homem de meia idade com muitos recursos e que lembra muito o ator Humphrey Bogart.


Capa de Alex Ross para a Edição Nº 05 de "O Fogo da Criação".

Poucas explicações são dadas sobre quem é realmente esse homem durante a história, porém o leitor terá uma prévia de sua origem em um dos capítulos do encadernado. Uma origem bem interessante aliás! Enquanto está vestindo a roupa característica do Sombra, Lamont Crasnton parece encarnar alguma entidade, embora isso não fique muito claro. No entanto, a voz de Cranston muda de entonação e suas habilidades de transitar entre o fino espaço entre vida e a morte torna-se evidente quando traja seu manto de O Sombra. Isso pode ser observado quando O Sombra questiona bandidos que, mesmo mortos, respondem às suas perguntas. Em O Fogo da Criação temos todos os elementos das aventuras Pulps, porém com personagens críveis e densos.

Capa de Alex Ross para a Edição Nº 06 de "O Fogo da Criação".

O Sombra, infelizmente, não teve o cenário de suas aventuras atualizado tal qual aconteceu com outros personagens, como por exemplo o Batman, que em suas histórias atuais vive em nosso mundo presente. O Sombra (por hora) está confinado à década de 30. Porém constitui-se em um incrível personagem, dono de uma mitologia muito interessante. Melhor, aliás, que a de muitos personagens atualmente. Recomendo o encadernado (ainda disponível em várias livrarias e em algumas bancas). Parabéns à iniciativa da Editora Mythos! Que venham os próximos lançamentos anunciados anteriormente para esse ano de 2013 envolvendo outros personagens dos Pulps. Esses lançamentos foram divulgados aqui no Blog por ocasião da 1ª Edição do Mercado de Pulgas ocorrido em agosto último aqui em São Paulo.

Um grande abraço à todos! E não se esqueçam!

... O Sombra sabe o mal que se esconde em seu coração...

quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Após algum tempo sem apresentar novas fotos aqui no Blog, retorno com as imagens do Nº 29 da Coleção de Miniaturas Marvel: Vampira. Embora para o novo leitor de quadrinhos, ou mesmo para aqueles que não são iniciados nesse incrível mundo dos heróis, "Vampira" seja um nome que evoque os personagens chupadores de sangue da literatura, essa linda moça aqui não tem nada a ver com eles. O nome vem, na verdade, de suas habilidades mutantes relacionadas à absorção das memórias e poderes de seus oponentes. Nessa matéria veremos os detalhes dessa peça e conheceremos um pouco da história desta perigosa mutante, cheia de raiva, mas ao mesmo com uma inclinação para o lado da justiça.

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

A peça é interessante e traz a personagem com um uniforme que usou em boa parte de suas histórias. O casaco de couro ficou bom e traz aquela sensação de leveza e de estar sendo jogado para o lado pelo vento. Esse efeito pode ser também observado em outras miniaturas com capas, como foi o caso da peça do Thor, Dr. Destino e Odin, esse último o Nº 17 da Série Especial. Embora o rosto seja um ponto "fraco" entre as peças da coleção (muitas peças trazem faces não muito bem modeladas), o rosto e cabelos da Vampira ficaram bem feitos em minha opinião. Além disso, a indumentária da personagem, com luvas, coturno e cinturão condizem com sua personalidade irascível e ficaram legais. A postura ligeiramente inclinada para esquerda também ficou interessante pois, quando observada em vista lateral, sugere uma atitude de confrontação (ver última foto da matéria).

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Vampira foi introduzida no universo mutante da Marvel em 1981 inicialmente como vilã na revista "Avengers Annual Nº 10", em uma história em que combate os Vingadores. Ela teria, no entanto um longo caminho a percorrer na direção de sua mudança de pária para Super-heroína ao lado dos X-Men. Proveniente de uma infância e adolescência difícil, Vampira descobria seus poderes de uma maneira muito traumática. Ao dar seu 1º beijo ela percebe que tinha a habilidade de sugar memórias e a força vital de outros através de seu toque. Daí o uso constante de luvas. O ato de tocar alguém, embora seja algo corriqueiro em nosso dia a dia, é parte crucial no desenvolvimento das relações humanas. Pois foi desse pequeno ato que Vampira foi privada a partir de sua adolescência, tendo que crescer com uma grande raiva e uma falta de aceitação pessoal.

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Em seus primeiros anos, Vampira fez parte da "Irmandade de Mutantes", um grupo semelhante aos X-Men de Charles Xavier, porém com objetivos diferentes em relação à raça humana. Pouco tempo depois Vampira procuraria o Prof. Xavier em busca de ajuda para lidar com o fato de ter absorvido os poderes e memórias da heroína Miss Marvel. Além do trauma advindo de seus poderes, Vampira estaria sofrendo também com a internalização das memórias de outra pessoa. Recebida com desconfiança pelos demais membros dos X-Men, foi o Prof. Xavier que em sua bondade a acolheu e iniciou o longo processo de reabilitação da jovem. Já na década de 90, Vampira se apaixonaria pelo colega de equipe dos X-Men, Gambit. No entanto o 1º beijo do casal deixaria Gambit em coma por três semanas. Isso mostra como a vida da personagem era difícil! Os dois só teriam sua 1ª noite de amor por ocasião de um confronto com uma vilã que os deixaria temporariamente sem seus poderes.

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Apenas nos anos 2000 descobriríamos um pouco mais do passado de Vampira, sendo revelado que seu nome verdadeiro é Anne Marie. Foi nos anos 2000 também que Vampira se tornaria líder de uma divisão dos X-Men. Ela recrutaria vários vilões mutantes para integrar esse grupo na esperança de que esse ato pudesse reabilita-los, tal qual acontecera consigo. Esse ato se mostraria equivocado e Vampira amargaria uma traição por parte de seus colegas de equipe. Tais eventos culminariam com uma armadilha que a deixaria à beira da morte. Apenas a intervenção de Gambit e de Charles Xavier consegue salvar Vampira.

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

O final da década traria, no entanto bons ventos para Anne Marie pois, durante uma jornada de busca pessoal na Austrália, Vampira finalmente consegue controlar seus bizarros poderes. Isso se dá, novamente (é claro) com a ajuda de seu amado Gambit e do sempre benevolente Professor X. Mais recentemente Vampira torna-se parte de uma das unidades dos Vingadores. Isso acontece como efeito direto da recente saga publicada no Brasil: Vingadores x X-Men. Isso mostra que Vampira definitivamente consolidou sua participação no Universo Marvel como uma personagem de passado difícil, porém com grande potencial. Não é a toa que ela foi escolhida para estrelar os filmes dos X-Men produzidos pela Fox nos anos 2000.

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Bom amigos... É isso aí. Deixo aqui meu abraço à todos vocês

Miniatura Marvel Nº 29 - Vampira

Até a próxima!!

domingo, 17 de novembro de 2013

Coleção de Miniaturas Marvel - Lista de Personagens: Série Mega-Especial


A série MEGA-ESPECIAL da Coleção de Miniaturas Marvel é, talvez, a mais cobiçada dentre os colecionadores. Trazendo personagens Marvel de grande estatura, essa série produziu estatuetas que se transformaram em verdadeiras relíquias, como é o caso do grande Galactus. Podemos dizer que algumas dessas peças são as mais aguardadas aqui no Brasil e que, quando a Eaglemoss abrir sua loja virtual, serão possivelmente as mais vendidas. Nessa matéria veremos os personagens escolhidos para compor esse importante segmento da coleção.

Nº 01 - Galactus

Nº 02 - Sentinela

Nº 03 - Vigia

Nº 04 - Fin Fang Foom

Nº 05 - Blob

 Nº 06 - M.O.D.O.K.

 Nº 07 - Mojo

Novamente no deparamos com uma lista de personagens um tanto quanto inusitados, uma vez que (em minha opinião) teríamos outros heróis ou vilões mais interessante para serem representados, como o "Destruidor" (máquina de guerra preferida de Odin para execução de suas sentenças); os Gigantes de Pedra que lutaram com Thor em sua primeira aventura; EGO - O Planeta Vivo; dentre outros.

De qualquer forma temos uma seleção interessante aqui. Em breve a última matéria dessa série: O Segmento Double-Pack. Grande abraço...

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Coleção de Miniaturas Marvel - Lista de Personagens: Série Especial - 11 à 20


Bom amigos... Depois de um tempo de ausência retorno com mais uma matéria. Embora a vida se apresente com muitas dificuldades no dia a dia, estar aqui compartilhando com vocês essa palavras são para mim uma terapia. Hoje, gostaria de dar sequencia à série de postagens sobre a Série Especial da Coleção de Miniaturas Marvel. Nessa matéria veremos os personagens de 11 à 20. Clicando nos links abaixo você poderá ter acesso às demais postagens da Série Normal de 1 à 100 e de 101 à 200, além da Série Especial de 1 à 10.

Nº 11 - Rei do Crime

Nº 12 - Destruidor

Nº 13 - Manto e Adaga

Nº 14 - Ronan

Dentre as miniaturas apresentadas aqui nessa postagem confesso que há personagens que muitos substituiriam por outros mais conhecidos, inclusive eu. Sei que na Europa existiam fóruns de discussão para decisão de qual personagem deveria ser lançado. Caso isso tivesse ocorrido aqui teríamos uma verdadeira "Guerra", rs rs. De qualquer forma, embora alguns sejam desconhecidos podemos dizer que ficaram bem legais.

Nº 15 - Omega Red

Nº 16 - Sauron

Nº 17 - Odin

Nº 18 -Terrax

 Nº 19 -Gigante

Nº 20 - Skurge

Bom amigos, isso mostra como o Universo Marvel é diversificado, abrangente e cheio de personagens. Em breve teremos aqui as miniaturas da série Double-Pack e Mega-Especiais.

Abraço à todos!

domingo, 3 de novembro de 2013

Projeto "A Era de Ouro dos Quadrinhos" - Divulgação


Recentemente temos visto diversas iniciativas bem sucedidas que aproximam artistas do mundo todo ao seu público. Isso tem contribuído para que pessoas extremamente talentosas tenham seus trabalhos viabilizados e disponíveis ao público. A ideia é permitir que os próprios fãs ajudem o artista no financiamento da obra. Iniciativas assim vem ocorrendo em diversos segmentos e dando certo na música, literatura entre outras mídias. Recentemente, Marcelo e Alice Feldmann (um casal do Sul do Brasil) iniciaram a coleta de apoiadores para um projeto excepcional: "Golden Age - A Era de Ouro dos Quadrinhos". Conheceremos aqui nessa matéria o que é esse projeto e, se você for fã desta grande e importante fase dos quadrinhos mundial, também verá como contribuir para a viabilização desta incrível ideia.


O projeto pretende lançar um grande encadernado (240 páginas) com histórias importantes da Era de Ouro dos Quadrinhos (1938 - 1956) com acabamento semelhante àquele observado nos encadernados das  Bibliotecas Históricas Marvel. São histórias que, além de servir como uma grande "janela" para se olhar o passado (roteiros, desenhos, linguagem e o espírito de uma época), serão também uma grande diversão pois trazem nosso grande Hobby (os quadrinhos) em seu estado "bruto". Tais histórias se encontram em domínio público, portanto não fere nenhuma lei de registro ou direito autoral. O trabalho se constituirá de digitalização das páginas, recuperação, tradução e "letreiramento". Será respeitado o máximo possível a arte original e teremos assim um material inédito no Brasil digno de colecionadores! Este Projeto encontra-se disponível para qualquer um que queira apoia-lo no Portal "Catarse".


A "Catarse" é um site que se propõe a atuar como uma ferramenta para projetos de diversos artistas.  No "Catarse" tais projetos ficam albergados durante um tempo (em geral 02 meses), durante o qual fãs contribuem com diversos valores ($). Ao final desse período, conforme o cumprimento ou não da meta estipulada, os projetos são colocados em prática ou não. Os fãs podem acompanhar durante esse tempo o levantamento de recursos e as cifras já coletadas. No caso do Projeto do Marcelo e da Alice, os custos serão de R$ 34.539,00. Clicando na Página Oficial do Projeto todos tem acesso à discriminação de todos os custos e o porque desta cifra exata. Além disso, o apoiador tem também a descrição de todas as histórias que estarão no encadernado. As páginas expostas aqui nessa matéria dizem respeito a alguns dos personagens que estarão lá. O volume contará não apenas com heróis e vilões consagrados, mas também com histórias de personagens que representaram um segmento importante daquela época: a ficção científica, o horror etc...


Você poderá contribuir com valores entre R$ 10,00 até R$ 5.000,00. Dependendo do valor contribuído o apoiador poderá receber o encadernado de diversas formas, por exemplo, arquivo em "pdf", encadernado físico, brindes, nome impresso no volume e por aí vai. Os brindes propostos são bem atrativos e eu gostei bastante: Caneca personalizada da Era de Ouro dos Quadrinhos e um Despertador muito legal em estilo Retrô (como não poderia deixar de ser em relação à Era de Ouro!).



A data final de levantamento de recursos para o projeto é 29/11/2013 e até o momento temos 51% financiado. Fiz contato com o Marcelo Feldmann e ele está confiante que até a data acima a meta será alcançada.


Bom amigos, iniciativas desse tipo valorizam nossos artistas e colocam os fãs próximos de suas obras preferidas, escapando um pouco dos ditames da indústria. Resolvi divulgar e apoiar essa ideia em função do que expus acima e também porque sou fã desta fase dos quadrinhos. Abaixo pode ser conferido uma mensagem do Marcelo Feldmann falando sobre o projeto.



Um grande abraço à todos e vida longa à 9ª Arte!!

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Coleção de Miniaturas Marvel - Lista de Personagens: Série Especial - 1 à 10



Prezados, recentemente vocês conferiram aqui no Blog as matéria referentes à listagem das peças da Coleção de Miniaturas Marvel do segmento normal (1 a 100 e 101 à 200). Dando prosseguimento à essa sequência de postagens, gostaria de apresentar os personagens que compõem o segmento "Especial" da coleção. As chamadas "Especiais". Nessa postagem em específico veremos listadas as 10 primeiras peças, lembrando que são 20 ao todo (desconsiderando as Mega-Especiais e Double-Packs, que futuramente poderão ser conferidas aqui também). Volto à agradecer ao amigo Leo Radd do Blog Submundo-HQ por compartilhar suas fotos e por fornecer grandes informações. Já informo logo que ainda não temos posição oficial por parte da Eaglemoss quanto ao lançamento dessas peças por aqui. Porém, há uma real indicação no Site Oficial da Eaglemoss Brasil de que eles abrirão sua Loja Virtual aqui no Brasil em breve e, possivelmente, essas peças serão vendidas à preços justos, sem o ágio que muitos tem cobrado ao vendê-las como fruto de importação. Quem viver, e tiver paciência se dará bem.



Nº 02 - Fanático


Nº 03 - Colossus


 Nº 04 - Thanos


 Nº 05 - Homem Aranha - Uniforme Negro

Para aqueles que ainda não conhecem direito a coleção, vale lembrar que a diferença das peças "Especiais" para aquelas do segmento normal é, basicamente, a estatura dos personagens. Como já comentado antes, um dos diferenciais da coleção é o fato de que o heróis e vilões são retratados respeitando as diferenças físicas existentes entre cada um deles. Isso torna-se um interessante diferencial, ou seja, poder comparar suas características antropométricas. É possível por exemplo, ver a clara diferença de tamanho entre o Hulk e o Coisa, ou entre o Homem Aranha e o Wolverine. Além dos personagens de maior estatura, o segmento Especial também traz alguns de estatura normal, porém em posições e cenários específicos. Caso do Homem Aranha com uniforme negro sobre a gárgula mostrado acima. Essa comparação de físico entre personagens sempre foi difícil não apenas em função das escalas diferentes entre as coleções, mas também pelas diferenças entre desenhistas nas próprias HQs.


 Nº 06 - Apocalypse


 Nº 07 - Rhino


 Nº 08 - Homem de Ferro - 1ª Armadura


  Nº 09 - Abominável


  Nº 10 - Homem-Coisa

Bom  amigos, a ordem de personagens aqui apresentada pode variar de uma fonte para outra, no entanto todas as 20 estarão aqui representadas. Na próxima sequencia desta série de matérias apresentarei as últimas 10 peças deste segmento Especial.

Abraço à todos.